EMPREENDER OU NÃO? O CASO DO QUIOSQUE DE FROZEN IOGURTE

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22277/rgo.v14i3.6401

Palavras-chave:

Empreendedorismo, Plano de negócio, Novo negócio

Resumo

Este caso para ensino tem por objetivo promover uma reflexão sobre empreendedorismo a partir da história de Laura, uma professora de administração que cogitava investir em seu próprio negócio. Em 2011, Paulo, um amigo antigo, apresentou uma proposta de venda de frozen iogurte para a classe “C”. Antes de decidir sobre o empreendimento, em conjunto, ambos fizeram um plano de negócio, no qual levantaram informações que consideraram relevantes para a tomada de decisão. Nesse contexto, se faz necessário discutir sobre a viabilidade de investir no negócio, considerando as particularidades do mercado e os dados que os futuros sócios coletaram. A proposta é fazer com que os alunos se coloquem no lugar de Laura, a fim de propiciar um debate acerca do seu perfil empreendedor e das vantagens e desvantagens em investir no negócio proposto. Sugere-se que o caso seja utilizado em cursos de graduação e pós-graduação lato sensu na área de Gestão, na disciplina de Empreendedorismo, em sessões que enfoquem as características empreendedoras e o plano de negócio.

Biografia do Autor

Ester dos Santos Oliveira Régis, Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI)

Mestre em Administração pelo Programa de Mestrado Profissional em Administração – Gestão, Internacionalização e Logística (PMPGIL) da Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI)

Ana Paula Pereira dos Passos, Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI)

Doutoranda em Administração pelo Programa de Pós-graduação em Administraçã (PPGA) da Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI)

Suzete Antonieta Lizote, Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI)

Doutora em Administração e Turismo pela Universidade do Vale do Itajaí (2013) e professora titular do Programa de Mestrado Profissional em Administração – Gestão, Internacionalização e Logística (PMPGIL) e do Programa de Pós-graduação em Administraçã (PPGA) da Universidade do Vale do Itajaí (UNIVALI).

Referências

Behling, G. & Lenzi, F. C. (2019). Competências empreendedoras e comportamento estratégico: um estudo com microempreendedores em um país emergente. Brazilian Business Review, 16(3), 255-272. DOI http://dx.doi.org/10.15728/bbr.2019.16.3.4

Cooley, L. (1990). Entrepreneurship training and the strengthening of entrepreneurial performance. Final Report. Contract. Washington: USAID.

Cooley, L. (1991). Seminário para fundadores de empresa. Manual del Capacitador. Washington: MSI.

Dornelas, J. (2016). Empreendedorismo corporativo: como ser empreendedor, inovar e se diferenciar em organizações estabelecidas (2a ed). São Paulo: Empreende.

Drucker, P. F. (1986). Inovação e espírito empreendedor (entrepreneurship): prática e princípios. São Paulo: Pioneira.

Hashimoto, M. (2006). Espírito empreendedor nas organizações: aumentando a competitividade através do intra-empreendedorismo. São Paulo: Saraiva.

Lenzi, F. C. (2008). Os empreendedores corporativos nas empresas de grande porte: um estudo da associação entre tipos psicológicos e competências empreendedoras. (Tese de doutorado em Administração), Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil. Recuperado de https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/12/12139/tde-15012009-105920/publico/TESE_FERNANDO_LENZI_USP.pdf

Lizote, S. A., Verdinelli, M. A, Bervian L. M., Nascimento, S. (2018). Competências Empreendedoras e Desempenho dos Cursos de Graduação: Um Estudo de suas Relações a partir da Percepção dos Diretores de Centro. Revista De Educação E Pesquisa Em Contabilidade (REPeC), 12(2). https://doi.org/10.17524/repec.v12i2.1573

Mcclelland, D. C. (1971). Entrepreneurship and achievement motivation: approaches to the science of socio-economic development. Paris: UNESCO.

Santos, P. V. S., & Pinheiro, F. A. (2017). O plano de negócios como ferramenta estratégica para o empreendedor: um estudo de caso. Revista Latino-Americana de Inovação e Engenharia de Produção, 2(8), 150-165. DOI: http://dx.doi.org/10.5380/relainep.v5i7.55161

Sciascia, S., & Vita, R. (2009). The development of entrepreneurship research. Milano: Liuc Papers.

Publicado

2021-10-13

Edição

Seção

Casos para Ensino