Universalização do atendimento escolar aos estudantes públicoalvo da Educação Especial: Notas sobre os Planos Nacionais de Educação (2001 a 2004)

Autores

  • Samuel Vinente Universidade Comunitária da Região de Chapecó - Unochapecó
  • Márcia Duarte
  • Márcia Duarte

DOI:

https://doi.org/10.22196/rp.v18i38.3394

Palavras-chave:

Avaliação em Matemática. Educação Básica. Educação Matemática. Desenhos Infantis.

Resumo

O trabalho analisou as políticas públicas relacionadas à inclusão escolar de estudantes públicoalvo da Educação Especial (PAEE), por meio de estudo documental em objetivos, metas e estratégias dos Planos Nacionais de Educação (PNE) de 2001 e 2014 e nos dados do Censo Escolar da Educação Básica. Foi elaborado um Protocolo de Análise Documental e, após a leitura dos documentos, os itens foram compilados e analisados por categorias à luz do materialismo histórico-dialético. Os dados apontaram que as mudanças e contradições na legislação educacional preconizadas pelos planos implicam a coexistência da oferta dos serviços de Educação Especial por instituições públicas e privadas, na qual o PAEE é mais delineado, engendrando a necessidade de modificações nos cursos de formação de professores. Os resultados sinalizam a evolução das matrículas no sistema regular de ensino, embora os documentos recomendem a oferta do Atendimento Educacional Especializado (AEE) por instituições conveniadas.

Downloads

Publicado

2016-11-22

Edição

Seção

ARTIGOS