A formação teórico-prática do técnico em agroecologia na escola 25 de maio de Fraiburgo/SC

Autores

  • Paulo Davi Johann
  • Sandra Luciana Dalmagro

DOI:

https://doi.org/10.22196/rp.v17i35.3063

Palavras-chave:

voz, escuta, criança, transmissão, cultura. / voice, listening, child, transmission, culture.

Resumo

O artigo versa sobre a formação teórico-prática de um Curso Técnico em Agroecologia em uma escola pública de Santa Catarina. O objetivo foi analisar como teoria e prática se encontram articuladas nas ações pedagógicas da escola, amparando-se em pesquisa bibliográfica, documental, observações e entrevistas. Os resultados indicam para uma frágil articulação entre teoria e prática e, portanto, deficiências na formação destes técnicos decorrente da falta de infra-estrutura adequada e de docentes em algumas áreas da formação. Observou-se também limites de compreensão na temática e na organização do trabalho escolar e pedagógico. Apesar dos esforços envidados pela Escola e pelo Movimento Social, o artigo conclui que os limites se relacionam ao processo de desqualificação da educação brasileira, promovido pelo Estado, destinada aos trabalhadores.

Publicado

2015-12-22

Edição

Seção

ARTIGOS