O Perfil dos beneficiários do Programa Bolsa Família no Município de Chapecó – SC

Autores

  • Bruna Taize de Medeiros Universidade Comunitária da Região de Chapecó - Unochapecó
  • Viviane Freitas Santos

DOI:

https://doi.org/10.22295/grifos.v25i40.3358

Palavras-chave:

Migração, jovens, escola, ensino médio

Resumo

O objetivo desta pesquisa foi de caracterizar o perfil dos beneficiários do Programa Bolsa Família no município de Chapecó/SC. A pesquisa é uma réplica do trabalho realizado para o município de São Felipe, na Bahia, intitulado como “Bolsa Família: uma análise a partir da concepção dos beneficiários de São Felipe-BA”. Questiona-se se o programa tem a capacidade de oferecer um alívio imediato da pobreza, em curto prazo, e se permite a emancipação das famílias beneficiárias, em longo prazo. Para tanto, foram realizadas entrevistas semiestruturadas com os beneficiários do Programa Bolsa Família (PBF). Os resultados apontam que o referido programa, em curso prazo, promove uma redução imediata da pobreza; porém, em longo prazo não fornece meios para que as pessoas beneficiárias saiam da situação de vulnerabilidade social na qual se encontram. A pesquisa limitou-se ao município de Chapecó, situado na Região Sul do Brasil, Micro Região Oeste de Santa Catarina, Mesorregião Grande Fronteira do Mercosul, em virtude de esta ser considerada cidade polo do oeste catarinense e por ter um número considerável de famílias beneficiárias do Programa Bolsa Família.

Publicado

2016-09-09

Edição

Seção

Dossiê Temática Livre