COMPREENDENDO A INFLUÊNCIA DOS VALORES PESSOAIS NA PRONTIDÃO E NA INTENÇÃO DE USO DE TECNOLOGIAS

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22277/rgo.v13i3.5086

Resumo

A partir da ampla disseminação e utilização da internet para diferentes finalidades, torna-se necessário investigar aspectos individuais que afetam a propensão das pessoas em adotar produtos e serviços tecnológicos. Nesse sentido, este artigo teve como objetivo verificar a influência dos valores pessoais na prontidão tecnológica e na Intenção de Continuidade de Uso das tecnologias pelos jovens. Na seção teórica, foram apresentados os conceitos e abordagens sobre valores pessoais e prontidão à tecnologia, assim como a fundamentação para a proposição das hipóteses do estudo. Uma survey foi aplicada aos estudantes e para o desenvolvimento do instrumento de coleta de dados foram utilizados três modelos teóricos: i) Questionário de Perfis de Valores – PQV (SCHWARTZ, 2005; SCHWARTZ et al., 2001); ii) Prontidão para o Uso da Tecnologia – TRI (PARASURAMAN, 2000); e, iii) Modelo de Pós Aceitação de Sistema de Informação – PAM (BHATTACHERJEE, 2001). A análise dos resultados demonstrou que seis hipóteses foram confirmadas, indicando que a Continuidade de uso é influenciada pelo Otimismo, Inovatividade e valores de Abertura à Mudança. Além disso, os valores pessoais de Abertura à Mudança e Conservação impactam positivamente os condutores e um dos inibidores de propensão ao uso de tecnologias. Concluiu-se que os valores pessoais são fatores relevantes para a propensão de uso de tecnologias.

Biografia do Autor

Daiane Lindner Radons, Universidade Federal de Santa Maria

Doutoranda em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria.

Assistente em Administração na Universidade Federal da Fronteira Sul.

Vania de Fátima Barros Estivalete, Universidade Federal de Santa Maria

Possui Graduação em Administração pela Universidade Federal de Santa Maria (1986) , Mestrado em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Maria (1997), Doutorado em Agronegócios pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (2007). Professora Associada na Universidade Federal de Santa Maria.

Mauri Leodir Löbler, Universidade Federal de Santa Maria

Doutor em Administração pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Professor Associado na Universidade Federal de Santa Maria.

Publicado

2020-08-03

Edição

Seção

Artigos