RESTAURANTES ORIENTAIS E SUAS ESTRATÉGIAS SOBRE SEUS CANAIS DE MARKETING

Autores

  • Amanda dos Santos Negreti União Cultural do Estado de São Paulo (UCESP)
  • Gessuir Pigatto Faculdade de Ciências e Engenharia - Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho"
  • João Guilherme de Camargo Ferraz Machado Faculdade de Ciências e Engenharia - Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho"

DOI:

https://doi.org/10.22277/rgo.v13i3.4793

Resumo

Diante do crescimento da preferência do consumidor por comida oriental e do aumento de restaurantes que oferecem essa culinária, o objetivo deste artigo foi caracterizar e analisar a forma de seleção de canais de distribuição e comunicação, verificando se são utilizados de maneira estratégica pelas empresas que oferecem comida oriental. Como método, utilizou-se da pesquisa exploratória e estudo de multicasos, sendo a coleta de dados realizada por meio de observação direta, análise documental e entrevista focada, com o uso de formulário aplicado junto aos gestores de seis estabelecimentos localizados no Noroeste paulista. Os resultados mostraram que os canais de distribuição utilizados por esses estabelecimentos variam entre tradicional e alternativo (delivery e food truck). Os gestores utilizam estratégias competitivas na gestão dos canais de distribuição e comunicação de seus estabelecimentos, com ênfase para a localização, o uso do ambiente e ferramentas de comunicação, conforme o canal utilizado, com destaque para o uso de redes sociais e aplicativos móveis (APP), ao oferecerem serviços de acordo com as mudanças do comportamento do consumidor. Ainda, foi possível verificar que as decisões e desdobramentos estratégicos dos gestores dos respectivos estabelecimentos são condizentes com os canais de distribuição utilizados.

Biografia do Autor

Amanda dos Santos Negreti, União Cultural do Estado de São Paulo (UCESP)

Mestre em Agronegócio e Desenvolvimento pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP - Campus de Tupã (2016). Especialista em Gestão Empresarial pela Universidade Paulista (2012). Graduada em Administração pelo Centro Universitário Salesiano São Paulo (2009). Atualmente é coordenadora e docente do curso de Administração de Empresas, da faculdade UCESP, em Araçatuba. Desenvolve pesquisas nas áreas de Agronegócio, Internacionalização de empresas, Gestão de Recursos Humanos, Serviços, Marketing.

Gessuir Pigatto, Faculdade de Ciências e Engenharia - Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho"

Graduado em Economia pela UFPr (1997), mestre em Engenharia de Produção pela UFSCar (2001) e doutor em Engenharia de Produção pela UFSCar (2005). Professor Assistente da Universidade Estadual Paulista (UNESP), Faculdade de Ciências e Engenharia de Tupã, onde ensina Economia. Tem experiência na área de Administração, com ênfase em Cadeias Produtivas do Agronegócio, Competitividade, Canais de Distribuição, Food Services, publicando principalmente os seguintes temas: competitividade, canais de distribuição, estratégias de internacionalização, relacionamento comercial, food service. Pesquisador e Líder do Grupo de Pesquisa CEPEAGRO

João Guilherme de Camargo Ferraz Machado, Faculdade de Ciências e Engenharia - Universidade Estadual Paulista "Julio de Mesquita Filho"

Graduado em Zootecnia pela FCAV - UNESP/Campus de Jaboticabal (1997), mestre (2002) e doutor (2007) em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de São Carlos - UFSCar . Atualmente é professor da Faculdade de Ciências e Engenharia da UNESP, Câmpus de Tupã, atuando no curso de Administração e no Programa de Pós-Graduação em Agronegócio e Desenvolvimento, como docente e orientador. Pesquisador do Centro de Pesquisa em Administração e Agronegócio - CEPEAGRO, desenvolvendo pesquisas nas seguintes áreas: gestão de empreendimentos rurais, gestão de sistemas agroindustriais e marketing estratégico.

Publicado

2020-08-03

Edição

Seção

Artigos