Variação espacial da temperatura de superfície durante o verão em Erechim – RS

Autores

  • Pedro Murara Universidade Federal da Fronteira Sul, campus Erechim
  • Eduarda Agnolin
  • Bruno Prina

DOI:

https://doi.org/10.22562/2020.52.05

Palavras-chave:

Código de Mineração, Medidas Provisórias, Programa de Revitalização da Indústria Mineral, Direito Minerário.

Resumo

Diante do fato de que cerca de 54% da população mundial vive em áreas urbanas, problemáticas de diversas naturezas envolvendo a degradação de determinados ambientes passam a fazer parte da vida dos citadinos. Estudos sobre a identificação de ilhas de calor nas áreas urbanas passaram a ser investigados a partir dos processos de urbanização. Neste sentido, o presente artigo buscou identificar a ocorrência do fenômeno de ilhas de calor na área urbana de Erechim, no estado do Rio Grande do Sul. Pautado inicialmente na compreensão da dinâmica atmosférica da área de estudo, os procedimentos envolveram a coleta, análise e tratamento de imagens de satélite, bem como, a elaboração de mapas por meio de cálculos e índices que deram suporte metodológico e tecnológico para identificação e caracterização das ilhas de calor urbanas. Os resultados permitem concluir que os locais sujeitos a retirada da cobertura vegetal, nos quais foram efetuadas impermeabilização do solo, seja por construções ou asfaltamento, as temperaturas registradas são superiores as localidades com cobertura vegetal, assim como, localidades de fundo de vale, devido a altitude e presença de vegetação.

Publicado

2020-06-17